um blogue pessoal com razões e emoções á esquerda

UM BLOGUE PESSOAL COM RAZÕES E EMOÇÕES À ESQUERDA

domingo, 13 de julho de 2014

DENÚNCIA

A urgência básica do hospital de Valongo, que serve cerca de 150 mil utentes por ano e abrange o concelho de Valongo (freguesias de Valongo, Campo e Sobrado, principalmente), algumas freguesias de Gondomar (Fânzeres e S. Pedro da Cova) e Paredes (Gandra), vai encerrar no dia 15 de Julho.
Cerca de duas centenas de pessoas participaram num protesto marcado para a frente do hospital de Valongo, acção essa marcada antes de ser conhecida uma carta chegada à Câmara deste concelho.
No documento, remetida pelo Centro Hospitalar de São João, que tem sede no Porto, no qual está integrado o Hospital de Valongo, lê-se que "este plano [Plano Estratégico do Centro Hospitalar de São João para o Polo de Valongo], cuja aplicação se reiniciará no dia 15 de Julho de 2014, inclui o encerramento da urgência básica".
Em altura de profundos constrangimentos para as famílias, encerram estas urgências por ditas razões economicistas quanto proliferam as unidades de saúde privadas como o novo hospital privado de Alfena [freguesia de Valongo]. O H. S. João, disseram utentes, fica a cerca de três quartos de hora de viagem de autocarro, numa carreira que passa em espaços muito grandes de tempo.


Sem comentários:

Enviar um comentário