um blogue pessoal com razões e emoções á esquerda

UM BLOGUE PESSOAL COM RAZÕES E EMOÇÕES À ESQUERDA

domingo, 12 de fevereiro de 2017

NOTÍCIAS DAS MARGENS

Recentemente houve sinais de progresso assinaláveis nesta região das margens dos rios Sousa e Ferreira. É, como se sabe, um território vasto e densamente povoado, pleno de afeições e proximidades, onde se vive com necessidades mas com inúmeras potencialidades.

Acabou a beneficiação da EN15, entre a ponte do Rio Sousa e a rotunda de Sernadelas. Uns 2,5 km de estrada reabilitada, 2,9 milhões de euros investidos, com rotundas, sinalização vertical e horizontal, vias com separador central, acesso mais fluido e seguro ao Hospital, a grandes espaços comerciais, á zona industrial, melhor ligação Paredes- Penafiel, ligação futura ao IC35, saída da A4. E os passeios que permitirão uma circulação pedonal com segurança, por necessidade e, porque não, em lazer. Crítico da anarquia das obras, constato que com o seu fim a EN15 adquire uma funcionalidade que em outros troços, igualmente carentes de reabilitação, não possui.

E em Paços de Ferreira anuncia-se um acordo da Camara Municipal com a concessionária das águas e saneamento Águas de Paços de Ferreira. O objectivo é reduzir para metade o preço da água, e eliminar a taxa de disponibilidade. O problema remonta ao ano de 2004 com uma privatização (alguns chamam “concessão”) ruinosa por parte do PSD, a que havia de pôr cobro nas suas consequências – um dos mais altos preços da água consumida pelos seus habitantes. Esta capacidade negocial e a coragem política de enfrentar lobies instalados em patamares da Administração Central credibilizam o Poder Local e a democracia.


Estas realidades são exemplares. Assim como será positivo a transferência da comunidade cigana para o lugar do Picoto, junto á CRIP em Paredes num realojamento essencial para a imagem da cidade. Não julgo ser possível adiar esse realojamento, encontrando-se solução na desafectação de área classificada como reserva agrícola como um instrumento necessário e a classificação de Interesse Público do respectivo Projeto. 

CR

Sem comentários:

Enviar um comentário